The Handmaid’s Tale: ainda bem que essa série caiu no hype

Finalmente a melhor estreia de 2017 pode cair nos braços do grande público.

Luide
Luide
14 de janeiro de 2018

Pode admitir. Por mais que a adolescência passe, ainda cultivamos aquela síndrome underground imbecil. Se todo mundo gosta, é porque é ruim. Ou pior: se algo faz sucesso, automaticamente sua qualidade cai. É um raciocínio raso, mesmo que em alguns momentos ele possa ter algum fundo de razão (já que a indústria do entretenimento precisa de audiência pra sobreviver etc). Mas e quando sua série favorita, aquela que ninguém nunca deu bola quando você indicava loucamente, de repente cai no chamado “Trem do Hype“?

Aconteceu com The Handmaids Tale. Ainda bem. Já era hora de tudo mundo prestar atenção nessa maravilha de série.

Sua estreia foi um tanto tímida, já que o Hulu, por mais grande que seja, não é uma Netflix da vida. Sem contar a falta de distribuição no Brasil, que criou ainda mais obstáculos para que The Handmaid’s Tale não ficasse conhecida por aqui. Mas era questão de tempo, afinal, ela tem todos os elementos para fisgar alguém: da sua beleza técnica aos temas mais do que urgentes para os nossos tempos (perda de direitos civis, totalitarismo, feminismo…). E claro: Elisabeth Moss simplesmente destruindo.

Com a primeira temporada acumulando prêmios (Emmy, Globo de Ouro, Critics’ Choice), The Handmaid’s Tale entra em 2018 como uma das principais séries dramáticas. Finalmente. Justiça feita. E o primeiro teaser está entre nós:

No Hulu, a segunda temporada estreia dia 25 de abril.
No Brasil, a Paramount Channel exibe a primeira temporada a partir de março.

Seja assinante e ajude o Amigos do Fórum a seguir crescendo!
Posts Relacionados
  • 12/12/2019

  • Luide

Como Watchmen mexeu com o esgoto da comunidade nerd

  • 10/12/2019

  • Luide

Watchmen é exatamente o que significa uma ADAPTAÇÃO

  • 03/12/2019

  • Luide

Watchmen: era impossível adaptar, até chegar nas mãos da pessoa certa