O spoiler já não existe mais

Lide com a democratização do entretenimento.

Luide
Luide
16 de abril de 2019

A vida do fã de LOST não foi nada fácil. O episódio era exibido nos EUA e sem distribuição oficial no Brasil, somente a pirataria poderia fornecer acesso a série. E era isso que acontecia. Porém, com a história cada vez mais inserindo o espectador em um mistura de drama e mistério, a ansiedade pra assistir o capítulo da semana criava uma busca incessante por um torrent e legenda. Além disso, o medo de saber o que teria acontecido fazia com que algumas pessoas se isolassem até conseguirem finalmente ter contato com a tão esperada série da vez.

Mas por mais que esse sofrimento tenha sido grande, nada se compara ao que o fã de filmes e séries vive atualmente. As redes sociais e a facilidade de acesso a essas obras potencializaram as chances de você receber o tão temido spoiler, tanto que… bem, fica até difícil definir exatamente o que seja um “spoiler“. Para muitos um simples trailer entrega tudo, para outros, até mesmo a nota atribuída por um crítico pode “estragar a experiência“. Mas como se isolar? Onde se esconder? Spoiler: não tem saída.

Em termos de TV, Game Of Thrones extinguiu essa ideia de “spoiler“: o fã não apenas assiste a série em tempo real, como também comenta cada ação. Assim como o noveleiro ou o torcedor de futebol. Uma coisa não se desvincula mais da outra. Não faz sentido assistir Game Of Thrones sem ir pro twitter dar suas impressões. Quem não faz o básico (assinar a HBO) precisa lidar com esse campo minado. Mas a mesma lógica que se aplica a televisão não vale para o cinema.

Filme não da pra ver de casa. Filme tem lugar pra assistir. Filme não é evento ao vivo e não da pra todo mundo ver junto. Cada um faz o que pode pra ver o quanto antes, mas nem sempre as agendas estão alinhadas. Quem assistir Vingadores: Ultimato já na virada de quarta para quinta feira, tem o direto de contar o que achou da mesma forma que narra os episódios de Game Of Thrones? Ou é preciso ter um senso de comunidade e preservar a experiência do amigo virtual?

A grande verdade é que essas perguntas são ingênuas e sem efetividade. Por mais que a Marvel faça suas campanhas de conscientização anti-spoiler, a grande verdade é que a cultura pop nunca foi tão pop e agora é simplesmente impossível controlar as massas. Seu primo boleiro não quer saber se você acha anti ético dar spoiler. Seu tio barrigudo que levou os filhos na sessão de sexta a tarde muito menos. O fã de LOST tinha apenas um potencial inimigo: o próprio fã de LOST, já você precisa lidar com a democratização do entretenimento (que ainda é caro e exclui muita gente).

A tendência é piorar. Sempre. Nesse sentido o spoiler já deixou de ser um insulto ou problema para se tornar o normal. Se prepare: alguém sempre irá assistir antes de você e esse alguém não se importa muito com as regras que você formulou.

Seja assinante e ajude o Amigos do Fórum a seguir crescendo!
Posts Relacionados
  • 28/08/2018

  • Luide

De quantas teorias de Vingadores 4 vive um canal de cultura pop?

  • 22/08/2018

  • Luide

Athena nos salvou desse live action HORROROSO de Cavaleiro dos Zodíacos

  • 21/08/2018

  • Luide

Você separa o artista da obra? Com Kevin Spacey isso não aconteceu