“O próximo Tarantino está fazendo podcasts”

O boom de podcasts nos EUA criou uma nova safra de escritores. E Hollywood está de olho.

Luide
Luide
31 de janeiro de 2018

“Se eu for o próximo Quentin Tarantino, provavelmente não estou mais trabalhando em uma loja de vídeos. Provavelmente estou tentando fazer meus próprios podcasts“. Palavras de Brett-Patrick Jenkins, chefe da Propagate, empresa que desenvolveu programas como o Lore, podcast com contos de terror que se transformou em série na Amazon.

Seu entusiasmo a respeito do “próximo Tarantino” é fácil de se explicar. O boom dos podcasts nos últimos anos  criou um novo mercado de escritores e histórias originais que a TV e Hollywood já estão de olho. Um celeiro de criativos.

Lore: podcast de terror foi adaptado para série.

Esse boom foi possível graças ao Serial de 2014, que contava com alguns milhões de downloads semanais. A história de uma investigação ao estilo Making A Murderer mostrou todas as possibilidades da mídia, prendendo milhares de ouvintes semana após semana com esses episódios contínuos. Serial foi fundamental para os podcasts deixarem de ser um meio de comunicação para poucos e desde então, o que não falta são histórias de sucesso, essas que já ganhando adaptações para outras mídias.

A próxima série de Sam Esmail, criador de Mr. Robot, é Homecoming, podcast da Gimlet Media descrito como thriller político. Com produção da The Universal Cable Productions, a série será distribuída pela Amazon Prime Video. E não para por aí. Além da já citada Lore, outras produções em podcast já estão ganhando as telas da televisão. StarUp, o primeiro podcast da Gimlet Media, deu origem a sitcom Alex, Inc. da ABC. A HBO transformou o podcast 2 Dope Queens em um especial de 4 episódios.

Já Reply All, outro podcast de sucesso da Gimlet, foi ainda mais longe e ganhará as telas do cinema. Protagonizado por ninguém menos que Robert Downey Jr., a adaptação será dirigida por Richard Linklater.

A procura por novos podcasts com potencial para se transformar em série é tão grande que a Gimlet lançou a Gimlet Pictures, só para capitalizar em cima. “Definitivamente há um fervor“, diz Chris Giliberti, diretor da empresa. Podcast é hoje a mídia que mais cresce nos EUA, e só em 2017 recebeu mais de $220 milhões em investimento de publicidade (um crescimento de mais de 219% em dois anos). É uma nova mina de ouro.

E no Brasil, quem faz?


Se você deseja ouvir podcasts além do papo de bar, daquela conversa nerd etc, o Amigos do Fórum tem duas indicações. O primeiro é o Projeto Humanos, cuidadosamente produzido por Ivan Mizanzuk, que vai para sua quarta temporada. Outro é o 1986, um podcast de ficção com 10 episódios.

E lembre-se: mude a forma como você encara podcast.

Via THR

Seja assinante e ajude o Amigos do Fórum a seguir crescendo!
Posts Relacionados
  • 07/05/2018

  • Luide

Agora até a Netflix tem um podcast (sério que você ainda não ouve podcast?)

  • 25/04/2018

  • Luide

16 mil efeitos sonoros gratuitos para deixar seu podcast ainda melhor

  • 09/04/2018

  • Luide

Turma da Mônica agora em podcast. Espera, você AINDA não sabe o que é podcast?