Não adianta, o brasileiro gosta mesmo é de série dublada

Diretor de conteúdo da FOX diz que contra estatísticas não adianta brigar

Luide
Luide
15 de junho de 2016

Quando Narcos estreou no Netflix, o serviço de streaming tentou usar a série como uma oportunidade para fazer o público americano começar a consumir conteúdos legendados. Pois é, eles adoram dublagem. Pode até soar estranho já que aqui no Brasil existe esse estereótipo de que quem assiste algo dublado é burro ou não tem cultura, mas na realidade, a preferência pela dublagem é algo mundial.

Soa estranho porque nós estamos acostumados a todo tipo de filmes e séries vindos de fora. O inglês é o áudio padrão e quando passamos a assistir mais filmes nos cinemas do que na tv aberta, mais séries em serviços como o Netflix, a legenda vai se tornando parte da rotina. Mas pra muita gente ela é tabu, e o brasileiro ainda prefere uma boa dublagem. Ao menos em relação a série de maior audiência no Brasil, The Walking Dead.

Em entrevista para o Omelete, o diretor de conteúdo da FOX Zico Goes falou a respeito “a audiência do Brasil está acostumada com a dublagem, ela se identifica melhor com a dublagem – pode ser que tenha preguiça de ler legendas, não sei […] As pessoas preferem – é estatística, não tem como brigar contra isso -, assistir a coisas dublada“.

O espectador da tv a cabo ainda prefere a dublagem e não existe nada de errado nisso. É uma questão de gosto pessoal. Existem ótimos dubladores no Brasil e o mais recente caso de Game Of Thrones prova que eles não brincam em serviço. É bacana saber que a dublagem é um meio que possibilita mais e mais pessoas a consumirem cultura pop. Há alguns anos seria bem provável que eu ou você estivéssemos ouvindo um “segure a porta” ao invés de “hold the door“.

a audiência brasileira se identifica com a dublagem

Porém a dublagem também é tratada como chamariz para público, principalmente nos cinemas. Está se tornando comum vermos youtubers, celebridades e cantores sendo convidados para dublar filmes, e se começou como pequenas participações, agora são donos de papéis principais. É algo que não atrapalha eu ou você, mas imagino como os profissionais da área se sentem com essa invasão. Triste ver algo sendo contaminado por ídolos relâmpagos.

A dublagem deve ser respeitada, mas as versões originais também. Aos poucos é possível notar que sessões legendadas estão perdendo espaço para dubladas. Em alguns cinemas virou quase um milagre. Moro em Osasco e aqui é quase impossível encontrar sessão legendada.

Por preguiça ou má vontade, falta de paciência ou tempo, a dublagem é algo que faz parte da cultura pop e do entretenimento no Brasil. Contra estatísticas não adianta brigar.

Seja assinante e ajude o Amigos do Fórum a seguir crescendo!
Posts Relacionados
  • 12/03/2018

  • Luide

Agora o funk vai te incomodar até na Netflix

  • 09/03/2018

  • Luide

SBT é a resistência da programação infantil na TV aberta

  • 01/03/2018

  • Luide

A Netflix quer que você arrume tempo para suas 700 produções originais em 2018