Flint Town pode ser sua melhor descoberta no catálogo da Netflix

Série documental investiga a decadência de uma cidade pelos olhos da polícia.

Luide
Luide
4 de junho de 2018

A cidade de Flint no estado de Michigan, EUA, ostentou por algumas décadas uma das maiores rendas do mundo. Próxima da capital Detroit, foi ali que nasceu a GM, empresa que ajudou a cidade a se tornar uma caricatura do American Dream, com seus habitantes felizes e prosperando em seus empregos. Mas hoje a situação é o completo oposto: com lugares desertos e abandonados, Flint é uma das mais pobres e mais violentas cidades do país. Além disso, em 2014 viveu momentos de horrores ao descobrir que sua água estava contaminada por chumbo após uma desastrosa política de corte de gastos.

É nessa cidade em chamas que cineastas resolveram levar suas câmeras afim de acompanhar o trabalho dos policiais. Flint Town, série documental da Netflix, é um retrato frio de como a violência é um sintoma da pobreza e como cabe aos poucos policiais conter esse caos generalizado. É um retrato único e por diferentes olhares a respeito da violência policial e do descaso do Estado.

Flint Town colhe depoimento não apenas de policiais, mas dos habitantes da cidade para traçar uma lógica em tudo aquilo. Como uma cidade de pouco mais de 100 mil habitantes é tão controversa e violenta? A série coloca sua câmera dentro de viaturas e departamentos e acaba sendo uma versão sofisticada de reality show como Polícia 24hrs. O trabalho de direção, fotografia e edição são impecáveis.

Além disso, Flint Town não toma partido e deixa que seus personagens falem por si, já que ali há um forte sensação de que todos são vítimas. Do policial exausto após anos lidando com o crime, ao jovem da periferia pego com um pouco de maconha. Ao avançar dos episódios a sensação de sufocamento cresce, já que nada daquilo para ter solução e todos os esforços são em vão.

É interessante notar que em momento algum os policiais são endeusados ou criticados. Pelo contrário, são postos de forma natural, como seres humanos que são. Mas uma coisa é certa: Flint Town mostra como o peso de toda a tragédia da cidade acaba caindo sobre as mãos desses profissionais. Homens e mulheres que precisam por ordem em um lugar onde nada parece seguir uma ordem social.

São oito excelentes episódios que exploram diversas questões que muitas vezes são apenas arranhadas na superfície, como as constantes denúncias de violência racial imposta pela polícia. Essa série precisa entrar logo pra sua lista do que assistir.

Seja doador e ajude o Amigos do Fórum a seguir crescendo!
Posts Relacionados
  • 12/06/2018

  • Luide

Não tenha medo de desistir da sua série favorita

  • 05/06/2018

  • Luide

É f#da quando você não se conecta mais com uma de suas séries favoritas

  • 02/06/2018

  • Luide

Sua série favorita precisa acabar