Fã queima Capitão América 1 e autor recebe ameças de morte

O negócio da Hydra não colou

Luide
Luide
27 de maio de 2016

Criado durante a Segunda Guerra Mundial, o Capitão América deu seu “olá” para o mundo dos quadrinhos socando a cara de Hitler logo na capa de sua primeira edição. É algo tão marcado na história da cultura pop que ninguém iria imaginar o que aconteceu nessa semana.

Capitão América: Steve Rogers #1 revela que o Capitão sempre foi um infiltrado da Hydra, aquela organização nazista da Marvel, e não esse símbolo de esperança e patriotismo. Bom, obviamente, a reação dos fãs foram as mais extremas possíveis.

Mesmo com algumas teorias circulando por aí sobre a verdade por trás de tamanho DESAFORO, o roteirista Nick Spencer está recebendo até ameaças de morte em suas redes sociais ou através de e-mails. A repercussão foi tamanha que até mesmo o ator Chris Evans comentou em seu twitter.

O mais novo ataque a hq é de fãs queimando suas edições e marcando o autor:

A maior reclamação por parte dos fãs tem tudo a ver com a origem do Capitão América: criado por dois judeus durante a Segunda Guerra, ele agora é afiliado a uma organização nazista.

O que você acha sobre isso tudo?

Seja assinante e ajude o Amigos do Fórum a seguir crescendo!
Posts Relacionados
  • 18/02/2016

  • Luide

Demolidor aparece acorrentado em novo teaser

  • 16/02/2016

  • Luide

Assista ao piloto de Vinyl (dirigido por Martin Scorsese) direto no Youtube

  • 10/02/2016

  • Luide

É Frank contra Claire Underwood no trailer da quarta temporada de House Of Cards