Existe espaço para Walter White em Better Call Saul?

Bryan Cranston manifestou interesse em fazer uma participação na série

Luide
Luide
30 de junho de 2016

É difícil largar o osso, eu sei. Imagine que você é uma rede de televisão e de repente uma série que está no ar há quatro anos explode em todo mundo. Vira fenômeno de audiência, de fama, está em todos os sites e revistas. Os prêmios começam a então surgir e todo mundo só fala dela. Foi o que aconteceu com Breaking Bad e a AMC.

Por mais genial que a série seja, muitos aqui provavelmente só começaram a assistir depois que ela estava quase acabando, e só assistiu graças ao Netflix. E a própria AMC admite que o serviço de streaming foi um dos responsáveis pelo boom da série. E digo mais: antes de House Of Cards e Orange Is The New Black, ao menos no Brasil, o Netflix era basicamente conhecido pelo lugar onde se podia ver Breaking Bad.

Tudo isso pra dizer que quando Breaking Bad explodiu na AMC a série já estava na sua reta final, então digamos que não deu pra colher tantos os frutos assim do sucesso. Mas logo em seguida veio Better Call Saul, em uma tentativa de prender o fã na emissora. O Netflix mais uma vez entrou na jogada, mas desse vez com distribuidor oficial. E assim chegamos agora em 2016 e sua segunda temporada que abusou das referências a série mãe.

Sempre ficou a pergunta: quando Walter White e Jesse Pinkman irão aparecer? Pergunta essa que ganha força a cada nova aparição. Mike é elenco fixo, Tuco, Hector e os gêmeos fizeram aparições rápidas e na season finale, ficou o flerte com Gus Fring dando as caras já no terceiro ano. Mas e a dupla principal?

Analisando os rumos da série, da pra se dizer que Jesse e até mesmo Hank seriam bem encaixados na trama. Jimmy é um advogado e está perto desse meio de traficantes e policiais. Mas Walter… não faz o menor sentido ele aparecer em Better Call Saul.

Gilligan já manifestou seu desejo e diz que é impossível terminar Better Call Saul sem a aparição de Mr. White. Bryan Cranston disse recentemente que ama Gilligan e fará qualquer coisa que ele mandar. Mas precisa desse fan service todo? Porque convenhamos, não é nada mais do que isso.

Sempre desenhei em minha mente que Better Call Saul seria a série do Saul Goodman, um excelente personagem tendo seu próprio espaço pra brilhar. Podia ser curtinha, duas temporadas estava de bom tamanho. Mas parece que visualizei a imagem errada. Better Call Saul está interessada em dividir sua trama entre a construção da personalidade de Saul e um prequel direto de Breaking Bad, afinal, todo esse lance envolvendo Mike e Gus irá impactar diretamente os rumos da série mãe.

Sinceramente, não duvido da capacidade de Vince Gilligan em criar roteiros amarrados. O cara é assustador. Mas mesmo assim, enquanto fã de série, quero menos fan service e mais foco no que realmente interessa em Better Call Saul: Jimmy.

Seja assinante e ajude o Amigos do Fórum a seguir crescendo!
Posts Relacionados
  • 29/11/2019

  • Luide

The Mandalorian é perfeita demais para ser verdade

  • 05/11/2019

  • Luide

Um bom balcão para compartilhar a solidão

  • 07/10/2019

  • Luide

A série que você provavelmente não irá assistir, mas pode te ensinar muita coisa