Dinossauro na rodovia: você conhece a história desse quadro?

Dinosaurier auf der Autobahn

Luide
Luide
29 de abril de 2017

Se você já era vivo nos anos 80/90, certamente viu esse quadro em algum lugar:

Tinha um na casa de um amigo, e no início da década de 90, auge da mania por dinossauros, era umas das coisas mais legais de ser ver. Adorava ficar concentrado nele, imaginando como seria se um braquiossauro (?) realmente surgisse do nada em plena uma rodovia. Era mágico. Mágico.

O mais incrível era como um simples quadro despertava o fantástico. Ser criança em uma época com poucos recursos hipnóticos (videogames, internet, celulares, computadores) era fazer um esforço imaginativo pra poder fugir um pouco da realidade. Não acho que minha infância foi melhor que a de ninguém, e muito menos que as crianças de hoje em dia “não sabem o que é ser criança“, mas que existia algo diferente, ah existia…

Dinosaurier auf der Autobahn foi pintado pelo suíço Giuseppe Reichmuth em 1980.

A pintura não foi sucesso apenas no Brasil, foi febre nos EUA na década de 80. O quadro foi encomendado para uma exposição chamada Green 80, porém, Giuseppe Reichmuth (hoje com 73 anos) não terminou a tempo. Na ideia original, não exista uma rodovia, apenas uma montanha com o dinossauro, foi então que pediram algo mais “pitoresco”. Saiu isso aí. “O homem que controla o triciclo verde esquerda na imagem é, aliás, Christoph Baumann, músico e fundador do Jerry Dental Kollek Doofs” é uma curiosidade que o pintor compartilha.

Mas Giuseppe não colheu muitos frutos de sua obra, que chegou a estampar até mesmo camisetas nos EUA: os direitos de Dinosaurie auf der Autobahn foram vendidos por 4 mil euros, e divididos entre o pintor e Albert Ernst, que fez a encomenda. Por isso não vimos o nome do autor assinado na obra.

Pronto. Agora você conhece um pouquinho de um ícone da sua infância.
Se alguém aí ainda tiver esse quadro, por favor, manda uma foto pra gente!

Seja assinante e ajude o Amigos do Fórum a seguir crescendo!
Posts Relacionados
  • 17/07/2018

  • Luide

A cultura “anti-lacre” se tornou mais insuportável que a do próprio lacre

  • 16/07/2018

  • Luide

Casagrande é mesmo um Campeão do Mundo

  • 22/06/2018

  • Luide

Os lances memoráveis da Copa do Mundo 2018 reproduzidos em 8-Bit