Casagrande é mesmo um Campeão do Mundo

A luta para se manter sóbrio deu a Casagrande o título de verdadeiro Campeão do Mundo.

Luide
Luide
16 de julho de 2018

Prestes a embarcar para Rússia, Casagrande fez uma promessa em seu instagram: essa seria a primeira Copa que ele passaria sóbrio e caso permanecesse assim ao longo do evento, ao voltar para casa, seria um verdadeiro campeão do mundo. Nos minutos finais da transmissão do jogo entre França e Croácia, o ex-jogador e comentarista emocionou a todos com seu relato, em um tom de orgulho que dava pra sentir do outro lado do mundo.

Casagrande comemorou sua sobriedade e foi abraçado por todos. Afinal de contas é um tipo de superação com um alcance gigantesco, dado seu passado no esporte e atualmente sua exposição na Globo. Ouvir alguém sem medo de julgamentos admitindo seu vício e que mais uma vez conseguiu vencê-lo, é inspirador e serve como exemplo para milhares de pessoas que todos os dias lutam para continuarem sóbrios. Casão, como é chamado pelo amigo Galvão Bueno, vem nos últimos meses se abrindo de forma bastante sincera a respeito da sua luta diária contra o vício nas drogas.

Participou de um especial no Fantástico ao lado do Dr. Drauzio Varella onde não só revelou passo a passo do seu caminho rumo ao fundo do poço, como também a escalada de volta. Casagrande possui a típica história de um viciado, com altos e baixos, recaídas e mais recaídas, críticas de todos os lados. O viciado em drogas é visto como um “vagabundo” que merece toda dor que sofre, já que ele “escolheu essa vida”. É por isso que a coragem de Casagrande é tão importante. Ele sabe que não é fácil admitir em rede nacional, diante de uma audiência de final de Copa do Mundo, que superou mais uma etapa na batalha para se manter sóbrio.

É claro que para boa parte das pessoas sua luta é motivo de chacota e que seu erro não merece perdão. Mas quem se importa com essas pessoas? No dia que a França ergueu pela segunda vez a Taça do Mundo, foi Casagrande quem realmente saiu com o grande vencedor. E que seu relato emocionado, com nó na garganta, sirva como uma luz para todos aqueles que sonham em um dia conquistarem o mundo. Mas dessa vez sóbrios.

A luta é diária. E será vencida.

Seja assinante e ajude o Amigos do Fórum a seguir crescendo!
Posts Relacionados
  • 21/06/2018

  • Luide

Simplesmente Elisabeth Moss caminhando por 6 minutos ao som de Max Richter

  • 13/06/2018

  • Luide

A exceção não pode se tornar o regra: o seu papel no combate ao “nerd tóxico”

  • 11/06/2018

  • Luide

Kanye West: o provocador que está de volta ao topo