Twin Peaks: a série favorita dos criadores das suas séries favoritas

De um jeito ou de outro, Twin Peaks acaba fazendo parte da sua vida.

Luide
Luide
4 de setembro de 2017

Quando o corpo de Laura Palmer foi encontrado em um saco plástico, ninguém dos quase 33 milhões de espectadores que acompanhavam a estreia de Twin Peaks na ABC tinham ideia do que estava prestes a acontecer. Quase três décadas depois, a obra de David Lynch e Mark Frost não apenas segue irretocável, mas também como uma das principais influências para dezenas de artistas.

O que anos mais tarde viria ser conhecido como “A Terceira Era de Ouro da Televisão“, só foi possível graças ao que Twin Peaks realizou.

Você não precisa gostar de Twin Peaks, está tudo bem. Mas é importante ter em mente que praticamente tudo que você consome hoje em dia em séries é influenciado direta ou indiretamente por ela. De Mr. Robot a LOST, tudo porque grande parte dos principais showrunners tem em comum uma única série favorita.

E ela é Twin Peaks.

David Chase, criador de The Sopranos:

“Se você olha séries dramaticas na TV desde a sua criação, elas diziam ao público o que eles iriam ver, mostre pra eles e depois diga o que eles viram. Ninguém ficou intrigado com o que estava acontecendo. Com Twin Peaks, Lynch e Frost mostram para você e deixam você pensando: “O que eu acabei de ver?” Isso foi revolucionário, e ainda é.”

David Chase inclusive foi o convidado do Vulture para as comemorações dos 25 anos de Twin Peaks e deu uma longa entrevista sobre a série.

Sam Esmail criador de Mr. Robot:

Em uma mesa redonda com outros showrunners, Sam Esmail revelou que suas principais inspirações vem do cinema, porém, destaca que é Twin Peaks sua maior influência. Veja aqui o debate.

Noah Hawley, criador de Fargo e Legion:

“Twin Peaks casou o mundano e o estranho. Eu não acho que uma audiência já tenha visto que pessoas felizes e miseráveis coexistem juntos para criar algo realmente inquietante – pessoas assustadoras sorrindo demais. E a música desempenha um papel importante. Esse riff de guitarra acústica nunca mudou, não importa quão aterradora ou divertida fosse uma cena. Eu olhei muito para o trabalho de David Lynch pensando em Legion e essa idéia de “o estranho”. E em Twin Peaks, qualquer imagem deve estar ligada à informação.”

Damon Lindelof, co-criador de Lost e The Leftovers:

“Eu amava a todos os personagens, porque eles eram esquisitos e de repente eu parei de me sentir sozinho. Eu não estava mais sozinho, eu estava em Twin Peaks. Sem Twin Peaks não existiria ‘Sopranos’, ‘Arquivo-X’, ‘True Detective’, ‘Fargo’ ou ‘Stranger Things’. Sem ‘Twin Peaks’ certamente não existiria ‘Lost’. E não existe lugar melhor para se dizer isso do que na Comi-Con, um lugar cheio de esquisitos”


Damon Lindelof comandou um painel sobre Twin Peaks na San Diego Comic Con 2017.

Carlton Cuse, de Bates Motel:

“Às vezes, a arte faz cócegas na sua imaginação e, outras vezes, bate na cara. O piloto de Twin Peaks me hipnotizou e me deixou de bobo. Em um único golpe de mestre, Mark Frost e David Lynch avançaram a arte de contar histórias na televisão em uma milha. A experiência sensorial completa desse piloto – imagens, sons, música e os personagens completamente estranhos e ainda convincentes – era diferente de qualquer coisa que eu já tivesse visto”

Trecho da entrevista de Carlton Cuse a Times, que reuniu outros showrunners pra falar sobre as influências de Twin Peaks.

Donald Glover, criador de Atlanta:

“Eu queria fazer Twin Peaks para rappers. Twin Peaks foi uma série que eu realmente gostei… Era muito estranho e tinha, para millenials, um “que” de Lost na época. Muitas perguntas surgiram sem respostas reais e houve um mistério, e eu queria fazer um show que tivesse esses elementos, mas para pessoas que eram rappers.”

E se apenas duas temporadas foram suficientes para causar esse estrago, imagina o que essas 18 horas de Twin Peaks: The Return podem fazer.

Você pode não assistir Twin Peaks, mas você acaba assistindo. É inevitável.

Seja doador e ajude o Amigos do Fórum a seguir crescendo!
Posts Relacionados
  • 26/10/2017

  • Luide

A série que os “fãs de séries” não estão assistindo

  • 25/10/2017

  • Luide

Primeiro zumbi a aparecer em The Walking Dead retornou na oitava temporada

  • 25/10/2017

  • Luide

Mindhunter não parece uma série da Netflix