A pior temporada de filmes em uma década: o público está enjoado de blockbusters ruins

Agora que começou a doer no bolso, será que os caras tomam vergonha na cara?

Luide
Luide
30 de agosto de 2017

Veja só que ano curioso está sendo 2017:

Enquanto filmes que buscaram algum frescor no gênero (Logan e Mulher Maravilha) ou histórias que realmente prendem o público (Fragmentado e Corra!) conseguiram bons números de bilheteria, remakes, reboots ou blockbusters que ninguém pediu, ajudaram a transformar 2017 no pior ano de arrecadação nos cinemas desde 2006. Quem aponta é a Variety.

Um verão esquecer.


Transformers, Piratas do Caribe, Rei Arthur e A Múmia são alguns exemplos de baixa recepção esse ano. Filmes com orçamentos acima dos 100 milhões, mas que sofreram para reverter isso na bilheteria doméstica. Em alguns casos, nem mesmo o fator China ajudou na péssima situação. Até mesmo o poderoso Michael Bay não conseguiu quebrar a casa do bilhão em 2017. O sinal de alerta passou da hora de ser ligado.

Enquanto isso, Hollywood parece não entender o que está acontecendo. Alguns culpam o Rotten Tomatoes, agregador de críticas que se torna cada vez mais influente para o grande público. Depois de alguns fracassos de bilheteria terem péssimas avaliações por lá, estúdios planejam uma ofensiva contra o site. Em alguns casos, cancelando até mesmo a exibição dos filme para a imprensa.

É óbvio que o problema não é a crítica, como o Pablo Villaça conta nessa entrevista ao Amigos do Fórum:

 “A crítica especializada NUNCA teve o poder de destruir a carreira de filmes de estúdio; simplesmente não há como competir com as dezenas de milhões de dólares que os estúdios investem em marketing”

Em relação a 2016, o verão americano de 2017 teve uma queda de 14% de arrecadação. É o pior número desde 2006, quando o total em bilheteria somou pouco mais de 3 bilhões. Mas o ano em si ainda pode ser salvo por Thor, Liga da Justiça e Star Wars. De qualquer forma, se a crítica especializada não faz com que a grande indústria repense a qualidade de seus filmes, quem sabe agora que o bolso começou a doer…

Posts Relacionados
  • 06/09/2017

  • Luide

Mãe: o novo filme de Darren Aronofsky que tá todo mundo falando

  • 05/09/2017

  • Luide

“Feito para fãs” se tornou a desculpa perfeita para filmes e séries ruins

  • 01/09/2017

  • Luide

Enquanto adaptação, Death Note faz o que deveria ser feito