Emmy Awards 2014: a festa de despedida que Breaking Bad merecia

Com CINCO dos principais prêmios, a série se despede de vez. Em grande estilo

26 de agosto de 2014

O Emmy Awards terminou sem grandes surpresas. A já esperada festa de despedida de Breaking Bad foi melhor do que se imaginava, sendo que dos SEIS principais prêmios, a série levou CINCO (perdeu de direção para True Detective). Foi, de fato, a melhor maneira de encerrar essa obra  incrível de Vince Gilligan.

Janeiro de 2008: estreia Breaking Bad. Dali até 2014, a série trilharia um caminho de sucesso e se tornaria uma das maiores obras da TV. Bryan Cranston entra pra história como Walter White

É claro que a noite não seria fácil para Walter e sua turminha. Nic Pizzolatto e seu poderoso “True Detective” prometia (e muito) tirar alguns prêmios que eram, por direito, de “Breaking Bad“. Dos principais, levou apenas de Melhor Direção. E merecidamente, afinal, o plano sequência dirigido por Cary Joji Fukunaga está muito além do que costumamos a ver na TV.

Porém nem mesmo Matthew McConaughey e todo peso do seu Oscar foram suficiente para ofuscar o grande astro da noite. “Breaking Bad” levou 5 prêmios principais e coroou de vez essa obra inesquecível por mim, e tenho toda a certeza em dizer: por MUITOS que acessam esse blog.

Breaking Bad no Emmy 2014

  • Melhor Série de Drama
  • Melhor Ator para Bryan Cranston
  • Melhor Atriz Coadjuvante para Anna Gunn
  • Melhor Ator Coadjuvante para Aaron Paul
  • Melhor Roteiro para Moira Walley-Beckett (Ozymandias)

Não da pra calcular o impacto que “Breaking Bad” teve em minha vida. É sério, não é papo de bêbado. Assistir a uma obra tão incrível, viver esse universo por anos, foi fundamental na evolução desse blog. O Amigos do Fórum é o que é hoje por culpa de “Breaking Bad”. Então, é de se esperar que eu fique feliz com uma PREMIAÇÃO.

Breaking Bad” teve, de fato, a festa de despedida que merecia.

Ao todo, Bryan Cranston levou 4 Emmys de Melhor Ator de Drama: 2008, 2009, 2010 e 2014

Outros vencedores do 66th Emmy Awards:

Melhor atriz em série dramática: Julianna Margulies (The Good Wife)
Melhor direção em série dramática: Cary Joji Fukunaga (True Detective)
Melhor série cômica: Modern Family
Melhor atriz em série cômica: Julia Louis-Dreyfus (Veep)
Melhor ator em série cômica: Jim Parsons (The Big Bang Theory)

Ai meu cartão de crédito: bonecos POP de Baby Groot e Howard o Pato

FICA DIFÍCIL PAGAR AS CONTAS DE CASA DESSE JEITO

25 de agosto de 2014

Bom, lembra quando a gente especulou aqui bonecos do baby groot, daquela cena final onde ele aparece dançandinho? Pois é, parece que a FUNKO, empresa que faz aqueles bonecos pops fofos, resolveu ouvir o grito de milhões e transformar nosso sonho em realidade: vai ter sim boneco do Baby Groot:

E como se não bastasse meu limite do cartão ser pouco, a FUNKO foi lá e anunciou que um pop do Howard, o Pato também será lançado.
E não é que deu vontade ter esse lazarento?

Ainda sem preço.
Ainda sem data de lançamento.

O que se sabe é: vai vender pra burro. “Guardiões da Galáxia” impera no verão americano, e já arrecadou MEIO BILHÃO de bilheterias, sem contar que sua trilha sonora foi parar no topo da Billboard. A Marvel sabe fazer grana melhor que sequências do Homem de Ferro.

Vamos rever episódios clássicos de “Cavaleiros do Zodíacos” no CINEMA?

Tudo pra comemorar os 20 anos do maior anime de todos os tempos

25 de agosto de 2014

Era 1º de setembro de 1994 e estreava na TV Manchete o anime de maior influência da história da tv brasileira, responsável por abrir, de vez, as portas do gênero por aqui. Nenhum desenho é mais importante em minha vida que “Cavaleiros do Zodíaco”. E falo isso com toda certeza do mundo há duas décadas. Eu tinha 7 anos quando o anime chegou ao Brasil… 7 anos. E até hoje me lembro do quanto eu era DOENTE por todo esse universo.

VEJA TAMBÉM: “CDZ: A Lenda do Santuário”: analisando friamente as armaduras dos Cavaleiros de Ouro

Ao todo foram 114 episódios e 5 filmes animados. E pra comemorar uma data tão importante, PlayArt realizará no Shopping Center 3 (Avenida Paulista – Nº 2064) uma maratona de seis dias, onde serão exibidos alguns episódios da série clássica e os filmes. Durante dois fins de semana (29 e 31 de agosto e 5 e 7 de setembro), vamos ter a chance de rever SEIYA E OS OUTROS na tela grande.

Veja a programação:

Dia 29/08 (sexta-feira)

Episódio 1 – As lendas de uma nova era (episódio clássico onde Seiya corta a orelha de Cassius)
Saint Seiya – O Santo Guerreiro (o primeiro longa de 1987)
Episódio Zero (resumão de todo anime)

Dia 30/08 (sábado)

Episódio 73 – Amigos, reúnam-se com Atena! (episódio final da Saga do Santuário)
A Lenda dos Defensores de Atena (terceiro longa de 1989)

Dia 31/08 (domingo)

A Grande Batalha dos Deuses (segundo filme de 1988)
Os Guerreiros do Armagedon (quarto filme de 1990)

Dia 05/09 (sexta-feira)
Dia em homenagem ao dublador Valter Santos (Camus) que faleceu em 2013

Episódio 47 - O corajoso Hyoga descansa em paz (Hyoga congelado na casa de Libra)
Episódio 67 – Adeus aos meus amigos e ao meu mestre (Hyoga vs Camus)
Episódio 106 – Seiya encontra o seu ente mais querido (Kasa de Lymnades se passa por Camus)

Dia 06/09 (sábado)

Mito dos Cavaleiros Renegados DVD 1
Mito dos Cavaleiros Renegados DVD 2

Dia 07/09 (domingo)

Episódio 6 da Fase Elíseos de Hades – O Mundo onde a luz transborda
Prólogo do Céu (quinto filme de 2004)

Ah, ainda vai rolar uns brindes pra quem comprar os ingressos.
Eu vou, e você? =)

O que achamos de Tartarugas Ninja, Emmy Awards e a cueca do Superman

Videocast Amigos do Fórum #04

22 de agosto de 2014

Olá amigos do fórum.

E as Tartarugas Ninja do Michael Bay? Uma passada rápida sobre o filme. E por falar em passada rápida, como bom fanboy de Breaking Bad, fiz minhas apostas para o Emmy Awards, que acontece na próxima semana. Já o Pablo, fanboy de cueca por cima da calça, não poupou xingamentos ao Superman do Zack Snyder.

O que achamos de Tartarugas Ninja, Emmy Awards e a cueca do Superman

Links comentados:

>>> INSCREVA-SE NO CANAL

Jennifer Lawrence e Quentin Tarantino juntos?

Atriz estaria negociando participação no próximo filme do diretor

22 de agosto de 2014

Minha filha, vem cá: quer trabalhar pra mim?

Esperar o próximo filme do Tarantino é um dos passatempos favoritos dos fãs. O cara quase nunca erra a mão, e seus filmes sempre são memoráveis ou, no mínimo, divertidíssimos. É um dos meus diretores favoritos e sou bem fanboy mesmo, tô nem ai.

Fato é que seu próximo filme, “The Hateful Eight“, um velho oeste e tal, deu pepino desde o começo. Lembra que vazou o roteiro e ele tinha desistido de gravar? Pois é, mas o Tarantino deixou de frescura e já até teaser trailer tá saindo. Durante o fim de semana, antes da exibição de “Sin City – A Dama Fatal” (vale lembrar que ele e o outro maluco do Roberto Rodriguez são manos) a moçada teve a chance de ver em primeira mão um tiquinho da ideia do filme:

Impressionante como tudo o que esse lazarento faz tem a CARA dele. Puta teaser maneiro (ou é uma bosta, mas eu como fã achei foda), e já nos diz q q vai rolar: os tal “oito odiosos” são figuras que, durante uma tempestade de neve no deserto (pois é, existe), acabam ficando juntos em um saloon no meio do nada. HEUEHUEHEH

Boatos já apontam os velhos conhecidos de filmes do Tarantino como Tim Roth e Samuel E. Jackson. Porém o que chamou a atenção nesse possível elenco é a queridinha de Hollywood Jennifer Lawrence. As pessoas gostam da Lawrence porque ela é maneira e tal. Começo a achar que seria uma boa união… mesmo torcendo o nariz no começo.

The Hateful Eight” tem estréia prevista para 2015.

Guia Básico de Bons Filmes para Iniciantes no NetFlix – Parte 2: Vencedores de Oscar

Tá perdido? Não sabe o que ver? Calma, o Amigos do Fórum te ajuda

21 de agosto de 2014

Continuando nossa jornada aqui no Amigos do Fórum, de trazer até você, caro leitor, um guia básico para iniciantes no NetFlix. Ou porque não, no cinema em geral. Na primeira parte, falei sobre alguns diretores que possuem um bom número de filmes adicionados ao catálogo do NetFlix.

Pra não ficar uma lista extensa, vamos dividir esse guia em quatro partes:

Hoje, vamos falar de filmes Vencedores do Oscar. Filmes que levaram algumas estatuetas, seja de Melhor Filme, Melhor Roteiro, Melhor Direção e etc. Coloque a pipoca pra fazer, pegue o controle remoto e vamos lá!

A Viagem de Chihiro

Oscar de Melhor Animação (2003)
Do aclamado diretor Hayao Miyazaki e produzida pelo Estúdio Ghibli, levou em 2003 o Oscar de Melhor Animação. O longa japonês é até hoje considerado uma das melhores (por muitos, a melhor) animação já feita. Pra se ter uma ideia, é o filme animado com melhor posição no TOP 250 do IMDb. Fundamental para quem adora as produções japoneses, “A Viagem de Chihiro” encanta pela beleza de seus traços, e nos coloca dentro de um universo fantástico que só poderia sair da mente de Miyazaki.

A vida é bela

Oscar de Melhor Filme Estrangeiro, Melhor Ator e Trilha Sonora Original (1999)
O belíssimo e comovente filme do diretor (e também protagonista) Roberto Benigni encantou plateias por onde passou. O filme mostra a jornada de um pai judeu e seu filho, durante a Segunda Guerra Mundial. Prepare-se para se emocionar com essa belíssima história de vida, onde um pai coloca seu filho acima de tudo,  mesmo durante os horrores dessa época.

Gênio Indomável

Oscar de Melhor Ator Coadjuvante (Robin Williams) e Melhor Roteiro Original (1998)
Se você está procurando um bom filme para assistir, e honrar a trajetória de Robin Williams nos cinemas, a melhor dica que posso dar é “Gênio Indomável“. Um filme tocante, onde a relação entre o jovem gênio rebelde (Matt Damon) e o médico (Robin Williams) irá te envolver com a sutileza em que ela vai se transformando. E você certamente se sentirá parte dela. O roteiro do filme foi escrito pelos amigos de infância Matt Damon e Ben Affleck (quem também está no filme).

Onde Os Fracos Não Tem Vez

Oscar de Melhor Filme, Melhor direção, Melhor ator coadjuvante (Javier Bardem) e Melhor roteiro adaptado (2008)
Como já dito no post anterior, Os Irmãos Coen possuem um cinema bem peculiar. “Onde Os Fracos Não Tem Vez” (meu filme favorito da dupla) é um excelente exemplo disso, já que o filme te prega, digamos, algumas peças. O vilão Anton Chigurh entra fácil em qualquer TOP5 de maiores vilões do cinema, e sua caçada é simplesmente uma das mais espetaculares que já vi. Se você ainda não se convenceu de conhecer o cinema dos Coen, a hora é agora!

Chinatown

Oscar de Melhor Roteiro Original (1974)
Frequentemente listado entre os melhores filmes já feitos, e com seu roteiro aclamado por muitos críticos como um exemplo de perfeição, o filme do diretor Roman Polanski, é a grande indicação para fãs do cinema noir. Estrelado pelo jovem Jack Nicholson, o filme se ambienta na Califórnia do início do século XX, e carrega em si todo um drama psicológico, enquanto o detetive J.J. “Jake” Gittes tenta solucionar um grande mistério.

Guerra ao Terror

Oscar de Melhor Filme, Melhor Diretor, Melhor Roteiro Original, Melhor Edição, Melhor Som e Melhor Edição de Som (2010)
Inscrito por ex-correspondente da chamada “Guerra ao Terror” que os EUA lançaram contra o Afeganistão e, na sequência, contra o Iraque, o filme da diretora Kathryn Bigelow nem sequer foi lançado oficialmente ao Brasil, devido as baixas bilheterias. Porém a produção que abocanhou nada menos que 6 Oscar, é uma excelente pedida no NetFlix. O filme acompanha um esquadrão anti-bombas no Iraque. A polêmica Kathryn Bigelow lançou em 2012 “A Hora Mais Escura” que mostra a caçada a Bin Laden, ela foi acusada de obter informações ultra secretas sobre a caçada. Vale conferir.

Histórias Cruzadas

Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante (Octavia Spencer) (2012)
O mais novo dessa lista, “Histórias Cruzadas” (The Help) narra a história de empregadas negras no EUA, durante a década de 60, auge da briga pelos direitos civis. O filme é totalmente focado na relação entre mulheres brancas (ricas) e as negras domésticas. Por mais difícil que seja aceitar, o filme ainda reflete em muitos os dias atuais, e nos faz pensar sobre o racismo que, infelizmente, ainda se faz presente em nossa sociedade.

Ao todo, são mais de 100 títulos premiados no catálogo.
Corre lá ver esses que eu te indiquei, e se você já viu, indique ai nos comentários.

Compartilhar a experiência é o grande prazer dos cinemas!

Aproveita que você está espantando com o William Bonner e corre ver “The Newsroom”

Série da HBO chega ao terceiro e último ano em 2014

21 de agosto de 2014

No decorrer da semana, a maneira como William Bonner conduziu a série de entrevistas do Jornal Nacional com os presidenciáveis, deixou a internet espantada. Tudo porque o jornalista exerceu sua profissão de uma maneira íntegra e honesta, colocando na mesa perguntas pouco comuns aos candidatos (ao menos em uma tv do porte da Globo). Bonner foi firme e direto. Claro, todo mundo (ou quase) adorou a postura dele.

Porém a postura de Bonner pode não parecer nada tão novo assim, principalmente para os fãs da série da HBOThe Newsroom“. Série criada e escrita por Aaron Sorkin (também roteirista de “A Rede Social”) já rendeu a Jeff Daniels o Emmy de Melhor Ator em Série Dramática em 2013. Então, porque você não aproveita todo esse barulho (que inclusive fez Bonner se manisfestar via twitter) e da uma chance a série?

Jeff Daniels é Will McAvoy, o âncora do News Night. O papel lhe rendeu o Emmy de “Melhor Ator em Série Dramática” em 2013

The Newsroom” mostra os bastidores de um fictício canal de notícias, a ACN, onde lá trabalha o âncora Will McAvoy (Jeff Daniels). Will é equivalente ao nosso Bonner, um jornalista há anos na bancada do News Night, principal programa jornalístico do canal. Durante toda série somos apresentados as dinâmicas do grupo de jornalistas, situações onde a ética e audiência entram em conflito, e o mais interessante, é que tudo ali são fatos reais, tanto que a série se importa em mostrar as datas em que as notícias ocorrem.

Will tem ao seu lado a produtora MacKenzie McHale (Emily Mortimer fantástica no papel), uma antiga paixão, que é responsável por toda a reestruturação do programa. Com o tempo, o News Night deixou de ser um programa sério, onde informações honestas eram o principal foco, para, digamos, “abrir as pernas” para a audiência. É interessantíssimo como tratam a responsabilidade que um canal tão importante tem em mãos. Vale a pena ser leviano para se ter audiência? Mentir? Omitir?

Prepare-se para se apaixonar por esse lenco

Apesar de alguns exageros emocionais (como noticiar a suposta morte de uma deputada ao som de Fix You do Coldplay), “Newsroom” é uma deliciosa experiência. Com personagens intensos e excelentes diálogos (Aaron Sorkin não brinca em serviço), certamente você ficará preso nos bastidores da ACN. E claro, Jeff Daniels é o grande destaque e logo você passará a sonhar com Will McAvoy conduzindo um debate nessas eleições. Aproveite e corra ver as duas temporadas anteriores, são 10 episódios cada com 1hrs de duração, padrãozinho HBO. Assista e depois me cobre (duvido você não gostar).

Pra fechar, deixo esse excelente trecho onde Will responde a pergunta: “Pode dizer porque a América é o melhor país do mundo?

*clique aqui e assista a versão legendada

The Newsroom é isso!

Topo ^