Disney irá retirar todos seus filmes da Netflix. Motivo? Vai lançar seu próprio serviço de streaming

2019 será o ano da Disney. E o streaming nunca mais será o mesmo...

Luide
Luide
8 de agosto de 2017

A Guerra dos Streamings acaba de ganhar mais um gigante. Alguém que sabe como poucos o que significa a palavra ENTRETENIMENTO, e dona de várias das maiores obras da cultura pop. Sim, a Disney lançará seu próprio serviço de streaming em 2019, aproveitando a inacreditável sequência de filmes programados para aquele que pode ser o maior ano da empresa em todos os tempos.

Toy Story 4, Frozen 2, Star Wars IX, Vingadores e os live action de Rei Leão e Mulan. Isso é a Disney em 2019.

Lembra daquele contrato de distribuição com a Netflix? Já era. A partir de 2018, todo conteúdo Disney e seus braços (Marvel, Pixar e Lucasfilm) serão retirados da gigante do streaming. Já aqueles que foram produzidos em parceira, como as séries do Demolidor, ainda permanecerão no catálogo. Resta saber por quanto tempo (aí só lendo os contratos).

Além disso, a Disney irá lançar um serviço de streaming da ESPN, que irá transmitir cerca de 10.000 eventos esportivos todo ano. Aparentemente, a maior vantagem da TV, que eram os eventos ao vivo, tem seus dias contados. Tudo isso, obviamente, só nos EUA em um primeiro momento.

Pra dar conta do negócio, a Disney já havia comprado 75% empresa de tecnologia BAMTech, que será responsável em desenvolver a plataforma.

O impacto da notícia foi tão forte na Netflix que suas ações na bolsa caíram 5%.

Leia mais.

Posts Relacionados
  • 02/08/2017

  • Luide

O brasileiro gosta mesmo é de série dublada. Fonte: Netflix

  • 01/08/2017

  • Luide

Netflix responde sobre dívida de US$ 20 bilhões na voadora: “nossas ações valem US$ 75 bilhões”

  • 20/07/2017

  • Luide

Um podcast se tornará série de TV pelas mãos do criador de Mr. Robot