Blade Runner 2049, do diretor Denis Villeneuve, ganha seu primeiro trailer

Los Angeles, 2049

Luide
Luide
19 de dezembro de 2016

Blade Runner é um dos meus filmes favoritos. De sempre. A obra de Ridley Scott é mais do que simplesmente um cyberpunk futurista, é uma experiência filosófica e sensorial. Tão influente para o cinema e ainda tão atual. A busca pela existência e o entendimento do seu próprio tempo.

Blade Runner não se perdeu como uma lágrima na chuva.

E coube a Denis Villeneuve, um dos diretores mais promissores em atividade, dar sequência a essa história. E se existe alguém que pode fazer esse trabalho, é o diretor canadense de Incêndios, Os Suspeitos, Sicario, O Homem Duplicado e recentemente, o poderoso A Chegada.

Blade Runner 2049 tem tudo para fazer jus a sua história. Assista ao trailer:

É impossível refazer Blade Runner ou ter a arrogância de emula-lo em um filme isca, pegando o espectador pela nostalgia. E sabe quem pensa assim? Denis Villeneuve:

“Primeiramente, não é possível ficar à altura do original. É do Ridley Scott. É uma obra-prima. É um dos melhores filmes sci-fi, é um dos melhores filmes dos últimos 50 anos. Para mim, o que me aterroriza nesse momento é que eu o que eu estou fazendo é pegar Blade Runner e transformando-o em algo meu, e isso é assustador. Perceber quando eu olho as gravações diárias que não é o Ridley Scott, sou eu, e é diferente. Ainda é o mesmo universo, ainda ainda estamos no mesmo sonho, mas é meu, então eu não faço ideia de como as pessoas vão reagir, eu não sei. Ele tem vida própria”

Essa declaração faz dele o melhor nome possível para o cargo.
Que tudo ocorra bem.

Posts Relacionados
  • 08/02/2017

  • Luide

Esses são os 14 filmes que a internet te proíbe de gostar (mas você gosta mesmo assim)

  • 07/02/2017

  • Luide

A Qualquer Custo: até onde você iria para conservar aquilo que ama?

  • 02/02/2017

  • Luide

A mensagem universal de A Chegada