Não um, nem dois, mas TRÊS filmes de Pacific Rim

Pelo menos é o que planeja Guilhermo Del Toro

17 de outubro de 2014


Eu ouvi TRILOGIA?

Em junho desse ano, Guilhermo Del Toro nos deu a melhor notícia possível para fãs de ROBÔS GIGANTES: teremos Pacific Rim 2 em 2017. MAS a paixão do diretor não para por ai, e em recente entrevista, ele revelou que planeja não dois, mas TRÊS filmes com porradaria entre jaegers e kaijus. Sim amigos, uma TRILOGIA PACIFIC RIM!

“Alguns dos seus personagens favoritos retornarão, outros não, pois decidimos ser ambiciosos e dizer ‘vamos esperar ter três filmes’, então alguns personagens aparecerão no final do segundo filme, esperando fazer parte da história em um terceiro longa”

YESSSSSSSSSSSSSSSSSSSS!

Del Toro disse que Pacific Rim 2 pretendo focar mais no mundo dos kaijus, e talvez por isso, não sobre espaço para velhos conhecidos nossos. Será que ele pretende trazer versões atualizadas do Cherno AlphaGipsy Danger e outros para o terceiro filme? Bom, tem muita história pra contar, mas foda-se, quem liga pra roteiro em um filme de ROBÔS GIGANTES lutando contra MONSTROS GIGANTES?

Pacific Rim 2 está marcado para estrear dia 7 de abril de 2017. O filme também ganhará uma série animada… nada como o espírito da coisa em todos os meios possíveis <3

A lição mais importante que aprendi com filmes apocalípticos

Eles ensinaram algo de EXTREMA importância

17 de outubro de 2014

Filmes apocalípticos seguem a mesma linha de roteiro. É sério, para pra pensar:

- uma família típica americana no centro da história
- membros dessa família possuem certos problemas de relacionamento
- acontece a tragédia
- o pai sempre descobre um jeito de salvar o mundo
- no final, a família volta a ser feliz

Independe Day, World War Z, Armagedom, O Dia Depois de Amanhã… são filmes iguais. Só você analisar. MAS esse tipo de filme, pelo menos, nos ensina uma lição importantíssima:

Em caso de apocalipse…

Fique longe da ESTÁTUA DA LIBERDADE!

Ou de uma loja da HAVAN…

5 pontos para discutirmos sobre os filmes da DC Comics

Senta aqui meu filho, vamos conversar

16 de outubro de 2014

Pronto. A poeira baixou. A ficha caiu. É real: DC Comics entrou de vez nesse mundo louco chamado cinemas. Através da Warner, teremos nada menos que 10 filmes baseados em personagens da editora até 2020.  4 filmes com equipes e 6 solos. Pensamento em todo esse universo cinematográfico que a Warner/DC pretende estabelecer nos cinemas, é hora de parar e analisar um pouco a situação.

Vamos tentar analisar o que nos espera no futuro e algumas questões soltas.

1. Qual será o TOM do universo DC?

Algum tempo atrás, comentei aqui sobre boatos que a ordem dentro da Warner é “sem piadinhas em nossos filmes, ok?”. Aparentemente, os chefões não querem comparações com os filmes da Marvel, querem deixar bem claro a diferença entre ambos estúdios no cinema. Já vimos que esse tom mais sério, mais “realista” e menos descontraído funcionou muito bem com Batman e, apesar de muito fã não gostar, com Superman.

Sabemos que Zack Snyder será o diretor dos dois filmes da Liga da Justiça, então, já da pra imaginar como serão esses filmes. Mas e em relação a Mulher Maravilha? Flash? Aquaman? Será que a Warner está mesmo disposta a apostar nesse tom, e seguir levando a sério essa coisa de ser séria? Particularmente, sou totalmente a favor dessa abordagem. Resta saber se irá funcionar com qualquer herói.

2. TV e cinema juntos?

A Marvel vem conseguindo algo inédito: compartilhar o mesmo universo tanto nos cinemas quanto na TV. No cinema, todos seus filmes são interligados desde 2008 com Homem de Ferro. Agora na TV, além de Agentes da SHIELD, as novas séries do NetFlix estarão todas juntos em um só universo. Ou seja, é provável que um herói da TV de as caras nos cinemas. Enfim, e quanto a DC? Segundo Geoff Johns, executivo e roteirista, os universos serão distintos, para assim, dar liberdade criativa a cada um dos lados.

A TV segue seu rumo, com Arrow e Flash no mesmo universo. Do outro lado, temos Constantine e já confirmadas as séries do Novos Titãs e Supergirl (ainda sem aprovação do piloto). Isso ficou claro durante o anúncio de ontem, já que nos cinemas, o ator que viverá o Flash será Ezar Miller. Então esqueça: você não verá Stephen Amell (Arrow) ao lado da Liga.

3. Batman e Superman sem filmes solos?

Cadê um filme solo do Batman? E Man Of Steel 2? Afinal, se até o Cyborg  terá seu filme solo, porque não o Cavaleiro das Trevas? Bom, segundo o site First Showing a Warner pretende sim fazer um filme pra cada um deles. E pelo visto, serão espremidos nesse intervalo entre 2016 e 2020. Ou seja, não teremos 10, mas sim 12 filmes da DC.

Em algum momento, teremos até três filmes da DC no mesmo ano. WOW! Bom, deixar de lado um filme solo do Batman é loucura, afinal, o milionário órfão é uma máquina de bilheteria, e tem uma gama de vilões e histórias para serem contadas. E lá em Metrópolis, muita coisa ainda pode acontecer e outras ainda precisam de resposta. Por exemplo, lembra do easter egg da Supergirl? Onde ela se encaixa nisso tudo?

4. Brainiac e Darkseid serão os vilões?

Já começaram os rumores sobre os possíveis vilões da Liga da Justiça. Até agora, o mais comentado é sobre dois grandes vilões clássicos colocando a Liga da Justiça a prova: Brainiac no primeiro filme, e Darseid no segundo. Ao que parece, Superman, Batman, Mulher-Maravilha, Cyborg, Aquaman e Flash irão enfrentar Brainiac em Liga da Justiça 1, ao final, chega o Lanterna Verde anunciando que um inimigo ainda maior se aproxima: DARKSEID!

5. Vem mais personagens por ai?

Dois filmes da Liga da Justiça, filmes solos do Batman e do Superman também em vista… a pergunta é: novos personagens serão introduzidos? Arqueiro Verde? Caçador de Marte? Asa NoturnaSenhor Destino? Gavião Negro? É um leque de personagens em aberto que podem, quem sabe, ganhar seus filmes no futuro, ou já fazerem pontas, afinal, estamos falando de 12 filmes. DOZE!

A situação da Warner é complicada, afinal, conseguir cruzar tantas histórias em tão pouco tempo é uma missão e tanto. A DC já provou que saber fazer boas animações de seus icônicos heróis, resta saber se eles irão funcionar na tela grande. Oremos.

Oficialmente, essa é a lista de filmes que a Warner/DC irá lançar até 2020

Anúncio foi feito pelo CEO do estúdio

15 de outubro de 2014

Bom, agora é oficial: até 2020 teremos nada menos que 10 filmes baseados nos personagens da DC Comics, produzidos pela Warner. Serão 2 filmes por ano, a partir de 2016, começando por “Batman V Superman“. Depois de muita especulação, finalmente o SEO do estúdio, Kevin Tsujihara fez o anúncio.

O tão esperado filme da Liga da Justiça confirmado para 2017 e com os filmes solos da Mulher Maravilha, Flash, Aquaman, Shazan, Ciborgue e o retorno do Lanterna Verde, fechando o calendário. Vamos a lista oficial:

2016
Batman V Superman
Esquadrão Suicida

2017
Mulher-Maravilha
Liga da Justiça

2018
The Flash
Aquaman

2019
Shazam
Liga da Justiça 2

2020
Ciborgue
Lanterna Verde

  • Esquadrão Suicida” terá a direção de David Ayer
  • Ezra Miller será o Flash nos cinemas
  • Zack Snyder vai dirigir os dois filmes da Liga

FINALMENTE A DC TOMOU VERGONHA NA CARA

Em menos de 7 anos a DC pretende construir todo um universo cinematográfico. Agora assim é CHOQUE DE MONSTRO com a Marvel. As únicas grandes novidades dessa lista são os filmes do Esquadrão Suicida, Ciborgue e o retorno do Lanterna.

Agora é pegar a pipoca e ver o pau comendo solto nos cinemas <3

Senta que lá vem história: minha dificuldade em ir a bancos

Deus abençoe os aplicativos de banco

14 de outubro de 2014

Sei que muito de vocês estão cansados dos meus dramas de menino interiorano, mas hoje irei compartilhar mais um com vocês. Quando assumi meu cargo público em 2009, abri minha primeira conta bancária. Na minha cidade, simplesmente não existia agência, era preciso viajar 25kms pra poder fazer qualquer tipo de operação.

Coringa indo ao banco pagar um boletão do Aliexpress

Nunca gostei de pegar filas e não me sentia a vontade com aqueles milhares de boletos a serem pagos todos os meses. Era chato ter que ir até o banco apenas pra consultar um saldo e etc. Quando cheguei em São Paulo, coloquei na cabeça que iria me locomover pra resolver questões financeiras o mínimo possível, e assim, tratei logo de comprar um smartphone com meu suado salário de blogueiro e fim de papo. Tem uns 4 anos que eu não pago boleto fisicamente, pra você ter uma ideia.

Tenho conta no Banco do Brasil e uso o BB Mobile todo santo dia. Nem no navegador do notebook eu acesso mais minha conta, é tudo na mão. Pagamento de contas? Sim. Transferências? Opa. Aquele boletinho do Aliexpress? TÁ NA MÃO!

O aplicativo é 100% seguro, rápido e fácil.
A menos que você tenha uma paixão paulistana por filas, eu recomendo fortemente o uso de aplicativos para operações bancárias =D

Capitão América 3 terá Homem de Ferro! Guerra Civil vem ai! PQP!

Filme chega aos cinemas em maio de 2016 e ditará futuro da Marvel nos cinemas

14 de outubro de 2014

UPDATE: falei sobre Guerra Civil nos cinemas no VLOG DO FÓRUM:

Fãs da Marvel tiveram hoje a mais saborosa notícia em relação a cinema desde que Nick Fury apareceu nas cenas pós créditos de Homem de Ferro, lá em 2008. Quando o estúdio agendou a estréia de “Capitão América 3” para praticamente a mesma data que “Batman V Superman“, muita gente pensou que seria loucura competir com os maiores heróis dos quadrinhos… mas a Marvel, claro, não tá pra brincadeira. Não mesmo.

É praticamente certo que sim amigos, teremos uma GUERRA CIVIL nos cinemas.

Semana passada, comentei aqui no blog as declarações de Robert Downey Jr., dizendo que um quarto filme do Ferroso não está nos planos da Marvel, mas a participação do herói em outros filmes sim. Tudo isso deixou um clima de suspense no ar: onde o Homem de Ferro seria encaixado? Guardiões da Galáxia? Homem Formiga? Bom, hoje o site Variety soltou uma matéria onde conta detalhes das negociações do ator, e segundo ela, o Homem de Ferro estará em Capitão América 3. E os acontecimentos desse filme, levará ao arco GUERRA CIVIL!

Downey Jr. levaria cerca de 40 milhões de obamas mais participações no lucro. O filme seria um start para os novos rumos que a Marvel planeja adotar nos cinemas. Ao que indica, o Capitas seria tornaria o líder d’Os Vingadores no final do segundo filme, e teria ao seu lado Mercúrio, Feiticeira Escarlate, Viúva Negra, Máquina de Combate e Falcão. “Capitão América 3” começa a ser rodado ano que vem, e tem sua estréia marcada para 2016.

SEGURA ESSA PORRADA, BATMAN v SUPERMAN!

Está cada vez mais complicado assistir a um filme nos cinemas

R.I.P. Educação

13 de outubro de 2014

Eu adoro cinema. Adoro ir ao cinema. E por mais que os custos de um ingresso aqui em São Paulo beirem o absurdo, não abro mão desse programa. Sair de casa, jantar e ver um bom filme na telona é um prazer não só para fãs da sétima arte no geral, mas pra quem tá lá querendo sair com a namoradinha, ou se entreter mesmo assistindo a 3 horas de explosões em um Transformers da vida.

Mas o fato é que algo que era pra ser prazeroso, ultimamente (ao menos pra mim), está sendo um martírio. Aparentemente, as pessoas perderam o respeito ao próximo e se esqueceram da tal LEI DO SILÊNCIO ao se sentarem nas cadeiras de um cinema.

Seria melhor ter ficado em casa…


Nesse último fim de semana, fui assistir a Annabelle com minha namorada, e sinceramente, dei graças a deus duas vezes quando o filme acabou. Primeiro porque Annabelle é um amontoado de clichês de terror em um roteiro bagunçado. Segundo, porque a sessão que eu estava mais parecia uma praça pública. Com pessoas conversando, falando alto, narrando, tirando fotos no MEIO DO FILME. Sério, meu desejo era o mesmo da Lana Del Rey: queria estar morta.

Não é a primeira vez que isso acontece, nem segunda e, infelizmente, a última. Ir ao cinema ver blockbuster, já no seu primeiro fim de semana de estréia, está se tornando inviável. Aglomerações de pessoas quase nunca dão certo, e agora, o cinema é mais nova vítima.

Típico imbecil que acha que a vida real é igual no facebook

Contei um pouco do quão difícil foi assistir “Cavaleiros do Zodíaco – A Lenda do Santuário“, com pessoas gritando o tempo todo. Mas nesse sábado a má educação passou dos limites, com pessoas se levantando pra tirar selfies (sério, qual o problema com essa bosta de selfie?), jogando pipocas e narrando o filme: “OLHA LÁ, TÁ ERRADO ISSO” gritou um rapaz pra todo mundo ouvir.

Não, não estou ficando velho e reclamão. Não, não é mimimi. Quem gosta de ver um FILME, não de CONVERSAR, sente-se incomodado nos cinemas. O “shiiiuu” não resolve mais. E ai? O que fazer nesses casos? Seguranças de cinema? Sei lá, mas eu fiz uma promessa: blockbuster agora só nos dias de semana e depois do lançamento.

E você? Passou por algum momento assim? Como está o cinema na sua cidade?

Topo ^